Configuração: acentuação no Linux Ubuntu 11.10 virtualizado no Macbook

Configuração do teclado para acentuação em português, usando Linux Ubuntu versão 11.10 virtualizado num Macbook.

I – Introdução

Neste post publico uma solução que tive que desenvolver para usar acentuação.

Eu tenho um Macbook Pro e tenho o Linux Ubuntu versão 11.10 virtualizado no equipamento.

Portanto, para quem é usuário de um Macbook, já sabe que o teclado é padrão americano, e no Linux Ubuntu 11.10, essa configuração para acentuação em português, não vem como padrão.

Vamos a sequência de comandos usando o terminal (prompt) do Linux.

II – Principais tecnologias usadas neste artigo

  • Linux Ubuntu 11.10

III – Sequência de passos para configuração

Passo 01.

$ setxkbmap us -variant intl

  • Apenas com o comando acima, já é possível verificar que o teclado já responde às acentuações.
  • Tente o ç (cedilha) por exemplo: teclas ‘ (apóstrofe) + c (letra c)

Passo 02.

  • Além disso temos que deixar esta solução de acentuação permanente.
  • Quero dizer, se sairmos do Linux e entrarmos novamente, esta configuração será perdida.
  • Para deixar a configuração de acentuação permanente:
    • Adicione a seguinte linha no final do arquivo “.profile” que está na pasta “~/” e salve o arquivo:
      • setxkbmap us -variant intl
    • Vamos ao passo a passo:
      • Para editar este arquivo você terá que usar o comando “sudo”.
      • Por exemplo, se você usar o editor “vi” para editar o arquivo, ficará assim:
        • $ sudo vi ~/.profile
        • Informe a senha que o comando “sudo” solicita
        • Vá para a última linha deste arquivo e acrescente a linha “setxkbmap us -variant intl”
        • Salve e saia do editor com o comando:
          • :wq (dois pontos + w + q)

IV – Testando a Acentuação

  • Para testar, saia (shutdown) do Linux e carregue novamente.
  • A acentuação deve permanecer.
  • Este artigo foi escrito usando essa configuração 😉

Pronto!
Configuramos o teclado no Linux Ubuntu versao 11.10 para aceitar o teclado de um Macbook, padrão americano e permitir acentuação em português.

V – Referências e Créditos

(1) http://blog.intermol.com.br/category/nix/

VI – Complemento para usuários do Linux Lubuntu

Anúncios

  1. Sérgio,

    o comando sudo /etc/profile não funciona… daí eu entro na pasta etc e tento alterar o arquivo profile, mas não tenho permissão para tal alteração… hoje é meu primeiro dia no ubuntu, então já vou pedindo desculpas caso esteja perguntando alguma idiotice!

    Obrigado!!!

  2. Obrigado por compartilha, realmente simples.

    Só achei uma coisa que atrapalha um pouco, quando eu quero escrever alguma coisa em inglês por exemplo, “I’m” por exemplo, eu tenho que digitar { I + ‘ +[espaço]+ m }, e se eu digito o normal { I + ‘ + m } o resultado é “Iḿ”. Será que existe algum jeito de consertar isso? Obrigado.

    • Olá Gustavo,

      Realmente eu enfrento esse problema também.

      Mas como eu escrevo mais em português do que em inglês, digitar espaço não atrapalha tanto assim.

      Eu acho que se vc escrever mais em inglês, vale a pena desativar o recurso de acentuação.

      Mas até hoje não achei como dispensar a digitação de espaço no caso que vc informou.

      Obrigado por consultar meu blog!
      Abraços,
      Sergio

  3. não consegui, coloquei a linha no final do arquivo conforme demonstrado, porém não deu certo, para que funcione tenho que digitar toda vez setxkbmap us -variant intl, mas quando reinicio volta como era antes, o que estou fazendo errado? meu ubuntu é o 12.04!!!!

    • Olá Danilo,

      Acabei de testar a solução de acentuação usando o Linux Ubuntu 12.04.

      A solução funcionou assim como estava na versão do Linux Ubuntu 11.10.

      Então, certifique-se que a linha abaixo está localizada na última linha do arquivo: /etc/profile

      setxkbmap us -variant intl

      Para funcionar, também é necessário sair do Linux e entrar novamente.

      Obrigado por ter acessado o blog.

      []’s
      Sergio Lima
      digitalareablog.wordpress.com/

  4. Amigão não deu certo, coloquei na última linha e nada, já reiniciei, desliguei, fiz de tudo e o teclado não aceita a centuação, para que eu posso usar tenho que digitar toda vez no terminal o seguinte comando setxkbmap us -variant intl

  5. Olá, Sérgio!Eu achei que seria bem mais complicado configurar o teclado do meu macbook no Debian! Pela interface de configuração eu testei todos os layouts em português mas nenhum havia funcionado. Muito obrigado pela dica!

  6. Pingback: Configuração: acentuação no Linux Lubuntu 12.04 | Digital Area Blog

  7. Pingback: Creating a Lubuntu Virtual Machine with Parallels for Mac « Digital Area Blog


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s